TESLA

UM FILME DE MICHAEL ALMEREYDA

Numa pegada Gondry o escritor e diretor Michael Almereyda usa dos DIY efeitos especiais para contextualizar a tecnologia no final do século 19. A batalha entre os dois cientistas e como o capitalismo e dinheiro impulsionam e controlam a mesma é retratada em cenários teatrais etéreos e uma direção de arte e cinematografia caricata.

Protagonizado por Ethan Hawke no papel de Nikola Tesla, Kyle MacLachlan (Twin Peaks) como Thomas Edison e Eve Hewson (the Knick) como a filha de J.P.Morgan e narradora. O filme conta a história pouco conhecida do cientista e percursor da futurologia Nikola Tesla.

A narrativa é muito interessante, com as intervenções da narradora e pitadas de elementos tecnológicos atuais – Thomas Edison saca um celular em um balcão de bar, a narradora compara os personagens a partir do numero de resultados no search do google e Tesla participa de um karaoke. A trilha ajuda a manter o clima tecnológico e fazer essas passagens com atualidade sem atrapalhar a ambiência.

Um filme divertido e uma biografia importante de ser conhecida. Mostra como, em 150 anos, evoluímos pouco como seres humanos que vivem em comunidade e precisam compartilhar de forma mais democrática os recursos.

Um abraço para o Ellon Musk.

Demian Grull

Author Demian Grull

Artista, diretor e produtor executivo na resistencia904, selo independente de realizações criativas. Nascido e criado em São Paulo. Meus interesses navegam da música a fotografia, cinema, edição, publicação, comportamento humano e tecnologia.

More posts by Demian Grull

Se eu cair 7 vezes, 8 vezes me levanto